Há muito para apreciar nas delícias veganas, especialmente o sabor

01. janeiro 2024

Resolução de ano novo: se antes janeiro era o mês de contar calorias, atualmente é cada vez mais adotado o lema “Go Vegan” (tornar-se vegano). Por todo o mundo, milhões de pessoas participam hoje em dia no “Veganuary”, abstendo-se de produtos de origem animal durante quatro semanas, mas sempre sem comprometer a sua satisfação.

Saúde, bem-estar animal, sustentabilidade e proteção do ambiente - há uma série de boas razões para mudar para uma dieta puramente vegetal ou, pelo menos, mudar temporariamente os seus hábitos alimentares. Para os flexitarianos, em particular, janeiro oferece uma óptima oportunidade para encontrar novas inspirações na cozinha. E que melhor maneira de o fazer do que numa comunidade dinâmica com trocas de ideias criativas?

Como começou o Veganuary

Veganuary é uma combinação da palavra “vegan” e “january” (janeiro). A iniciativa teve início em 2014 no Reino Unido e, em 2020, realizou-se pela primeira vez na Alemanha. Em apenas três anos, este desafio de um mês evoluiu de um assunto de nicho para os consumidores preocupados com a nutrição para um fenómeno com uma enorme influência.

Quer seja na restauração, no fabrico de alimentos, nos serviços de entrega ou no retalho, o Veganuary tornou-se um mês repleto de inovações culinárias e, acima de tudo, de inspiração. A gama de alimentos veganos expandiu-se para mais de 1.000 produtos nos últimos anos e inclui - como é óbvio - o Molho de Soja Kikkoman. E sempre o fez!

Vegano desde o início

Trigo, água, sal e soja - é tudo o que compõe o nosso molho de soja clássico. Pode sempre contar com isso. Continua a ser feito de acordo com uma receita tradicional com séculos de existência e não requer mais do que estes quatro ingredientes naturais. Não são utilizados produtos de origem animal, mesmo nas versões sem glúten ou com pouco sal. O mesmo se aplica, naturalmente, à nossa alternativa biológica. Se quiser algo um pouco mais especial, o nosso molho KIKKOMAN ponzu limão ou o nosso molho KIKKOMAN poke para a moda das bowls também são ideais. Criamos sabor com 100% de energia vegetal! Só o nosso molho Teriyaki BBQ com mel é que - logicamente - não é vegan.

Perfeito para pratos à base de plantas

Escusado será dizer que, se os quatro ingredientes forem puramente vegetais, o molho de soja é perfeito para pratos veganos. Desde marinar a temperar, aromatizar e realçar a comida no prato, o molho de soja é simplesmente genial e muito simples de utilizar. Uma grande vantagem: umami. O quinto sabor básico, que proporciona uma experiência de sabor mais intensa, acrescenta uma intensidade extra a todos os pratos. Assim, não vai sentir falta de nada - mesmo que se abstenha de aromas de origem animal!

E todos os preconceitos desaparecem!

Com as ideias certas na cozinha, pode provar no prato que a comida vegana não tem de ser aborrecida ou sem sabor. Como sempre: a cozinha criativa traz os melhores resultados! Com alguns tomates, sementes de girassol picadas e uma pitada de molho de soja Kikkoman, por exemplo, pode criar uma óptima alternativa à bolonhesa vegan num instante. Ou misture uma mão cheia de cajus, um pouco de água e molho de soja para fazer um ótimo creme de tempero para uma variedade de utilizações. Tão intenso e tão delicioso!

Tão vegano quanto quiser

Não há necessidade de reinventar completamente a sua gastronomia favorita. Se já pensou em cozinhar mais pratos veganos, então o Veganuary é a altura perfeita para começar. Na comunidade Kikkoman nas redes sociais, não só encontrará inspiração para os seus menus, como também informações interessantes e muita motivação para alterar os seus hábitos alimentares. Afinal de contas, as coisas sempre sabem melhor em boa companhia. E se não quiser desistir permanentemente dos produtos de origem animal, também não há problema. Mas temos a certeza de que um ou dois dos seus pratos veganos favoritos entrarão definitivamente na sua coleção de receitas.

Facto curioso:

teria adivinhado que, nesta parte do mundo, se comia mais carne nos tempos medievais do que hoje? Nessa altura, consumíamos cerca de 100 kg por pessoa, enquanto hoje em dia comemos apenas 52 kg, em média. Uma boa oferta de proteínas vegetais de qualidade e um ótimo sabor tornam isto possível.

Não perca nada saboroso!

Inscreva-se e descubra inspirações deliciosas regularmente!
Não preencheu todos os campos necessários

Gostaria de receber atualizações por email sobre ofertas e informações sobre produtos. Cancele a subscrição a qualquer altura, gratuitamente.